Ronda Policial Linhares

Mulher é detida traficando drogas em praça do Nova Esperança

 

Linhares- Na tarde desta segunda-feira dia 05, na Rua São Bento (Praça), do bairro Nova Esperança, uma mulher identificada pela polícia militar como Jéssica X. D. S. (23 anos), acabou detida por suspeita de estar traficando entorpecentes naquele local.

A Força Tática da PM recebeu informação dando conta que na praça estaria uma mulher comercializando drogas e que possuía uma tatuagem em uma das pernas. Mediante a informação, deslocaram até o Bairro, e quando os militares passavam pela Alameda Bom Pastor, avistara a suspeita com as características passadas.

Foi realizada a abordagem, com ela foi encontrada uma sacolinha contendo 17 pedras de crack. Ao perguntar sobre o restante do material, a mulher informou que já havia vendido nove pedras. Questionada mais uma vez se havia algo de ilícito em casa, ela decidiu cooperar e informou que o restante estava em sua residência. A guarnição deslocou até a Rua São Bento, próximo do local da abordagem, sendo localizado então mais drogas que estavam em um guarda-roupas.

Na residência, os policiais foram recebidos pelos pais da suspeita, os quais acompanharam as buscas no imóvel e presenciaram quando foi encontrado um revólver da marca Colt Police CTG calibre .32, numeração 75804, sem munições, uma balança de precisão da marca Digital Scale e a quantia de R$ 90,00 em espécie. Diante dos fatos, Jéssica foi conduzida à 16ª Delegacia Regional de Linhares, juntamente com material apreendido.

 

Casal é detido pela PM acusado de comercializar drogas no Aviso

Linhares – Noite de segunda-feira dia 05, a polícia militar esteve na Rua João Calmon, s/n, Bairro Aviso, para deter Simoni J. D. S. (31 anos) e Carlos A. D. S. (47 anos).  Uma guarnição da RP 4035 recebeu denúncias de que usuários furtavam lojas e pessoas no centro da cidade, costumam ir para o local conhecido como Pó do Aviso, com a finalidade de trocar os objetos por drogas.

Além disso, as denúncias apontavam que uma mulher conhecida como Simone, vulgo “Índia” é quem vende as drogas (crack) e fica em uma casa abandonada frequentada por vários usuários. Ao passar pelo local mencionado foi observado que Simone estava sentada juntamente com outra pessoa na calçada, em frente à casa da denúncia, e que eles ao notarem a chegada da viatura ficaram nervosos.

Foi também abordado Carlos, sendo que em suas mãos tinha a quantia de R$ 90,00 em espécie (notas fracionadas em 20,10,5 e 2 reais). Carlos disse ser usuário de drogas, e com Índia, foi visto uma sacola com algo suspeito, que ao ser recolhido foi verificado e constatado que tinha oito pedras de crack embaladas em sacolinhas prontas para venda, e uma pequena bolsa que em seu interior também foi encontrado uma pedra de crack e a quantia de R$ 20,00 em espécie. Simone e Carlos foram conduzidos e entregues na 16ª Delegacia Regional de Linhares.

COMPARTILHE