Governo recua e adia processo de terceirização de dois hospitais do ES entre eles o Silvio Avidos de Colatina

Estado – O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesa), anunciou o adiamento da abertura dos envelopes com as propostas das Organizações Sociais de Saúde (OS) para a terceirização dos hospitais Antônio Bezerra de Faria, em Vila Velha e Silvio Avidos, em Colatina.

De acordo com o secretário de Saúde, Ricardo de Oliveira, a decisão de prolongar o prazo foi tomada para que aconteça uma transição de governo mais transparente e republicana, deixando a nova gestão avaliar as propostas e decidir quem ficará responsável pelos hospitais.

Outro fator que levou ao adiamento foi a desinformação da população em relação à administração das OS em outras unidades de saúde que já foram terceirizadas, como o Hospital infantil e maternidade de Vila Velha e o Hospital São Lucas em Vitória.

As terceirizações já são uma realidade no Espirito Santo, e ainda segundo o secretário, são a melhor opção já que uma decisão judicial os impede de contratarem médicos por cooperativas e técnicos de designação temporária.

Ele diz ainda que os resultados das Organizações Sociais são satisfatórios “O Himaba, por exemplo, está sendo dirigido por OS desde outubro e o número de atendimento aumentou em 40%” Afirma o secretário. A Sesa está monitorando, por meio de um sistema, todos os hospitais terceirizados, garantindo eficiência e transparência na gestão.

COMPARTILHE