Força de militares eleitos na esteira de Bolsonaro leva quatro deputados para a Ales

.

Estado – Focados por melhorias na segurança pública e do nome de Jair Bolsonaro (PSL), o Espírito Santo elegeu quatro deputados estaduais com patente militar, entre eles Capitão Assunção (PSL), Coronel Quintino (PSC) para a Ales e na Câmara Federal Josias Da Vitória (PPS).  Eles fazem parte do quantitativo de 8% (79 nomes) dos candidatos militares que conseguiram se eleger nesse 1º turno. Desse total, 40 deles são do Sudeste.

Regional e estadualmente, o cenário tende a confirmar nomes com patentes em registros eleitorais. Três estados vão eleger, em segundo turno, o novo governador com pelo menos um militar na disputa. No Rio de Janeiro, um resultado inesperado colocou o ex-fuzileiro naval Wilson Witzel (PSC), um novato na política, na disputa com o ex-deputado e ex-prefeito da capital Eduardo Paes, que concorre pelo DEM.

Há ainda militares entre os nomes que concorrem ao governo de Rondônia e de Santa Catarina. Entre os 79 nomes eleitos, já estão asseguradas duas vagas no Senado e 22 na Câmara. Nos estados, o número passa de 60 parlamentares. Com informações de Agência Brasil.

COMPARTILHE