Polícia Militar apreende crack em três bairros de Linhares

Linhares – A “guerra” da polícia contra o tráfico de drogas continua. Nesta quarta-feira dia 08, os policiais militares do 12º Batalhão, realizaram diversas operações que resultaram na apreensão de drogas, dinheiro e munição para arma de fogo, além da detenção de vários suspeitos.

Crack

Pela tarde na rua João Bobbio, bairro Vila Izabel, foi detido G. L. (19 anos). Durante patrulhamento, foi avistado o momento em que o acusado, ao notar a aproximação da viatura policial, dispensou uma pequena sacola. Ele foi abordado e nada de ilícito foi encontrado, entretanto, ao verificar o conteúdo da sacola dispensada por ele, foram encontradas 18 pedras de crack, confirmando ser de sua propriedade e disse que estava no local para efetuar a venda do entorpecente. O rapaz foi conduzido ao DPJ juntamente com o material apreendido para providencias que o caso requer.

Mais crack

Noutra diligência, os policiais militares foram até a Rua Projetada, bairro Olaria, onde um homem identificado pelas iniciais como sendo E. D. S. O. (27 anos), acabou detido depois de ter sido visto em atitude suspeita e que ao perceber a presença dos militares empreendeu fuga, desobedecendo a ordem da guarnição para que parasse, adentrando de forma súbita em uma casa que se encontrava aberta. Na residência o elemento foi flagrado pelos militares tentando se desfazer de uma sacola que onde continha 42 pedras de crack e quatro buchas de maconha, jogando tudo dentro do vazo sanitário, porém não conseguiu dar a descarga. O acusado foi conduzido ao DPJ juntamente com o material apreendido.

E mais crack

Já na Rua Sebastião José Ferreira, bairro Santa Cruz, E. D. J. (24 anos) vulgo “Negão Diamante” foi abordado pelos militares durante preventivo. Com ele foi encontrado 100 gramas de crack e R$ 500,00 em espécie. O acusado é conhecido das guarnições policiais por envolvimento direto no tráfico de entorpecente no local. Foi feito deslocamento até sua residência e lá foi encontrado uma bandeja que estava sendo utilizada para corte da droga contento 10,5 gramas de crack, uma balança de precisão, quatro lâminas de barbear, nove pedras de crack embaladas para comercialização, dois cadernos com anotações referente ao tráfico de droga, uma cápsula de munição cal 38 deflagrado e uma munição intacta de mesmo calibre, além da quantia de R$ 1.401,00 em notas fracionadas. Diante dos fatos “Negão Diamante” foi conduzido ao DPJ juntamente com o material apreendido.

 

 

COMPARTILHE