Roupas ajudam a proteger contra picadas do Aedes Aegypti

Durante o verão, o uso de roupas leves é uma opção para encarar os dias mais quentes. No entanto, a preocupação nesta época do ano não é apenas proteger a pele contra os raios solares com o uso de protetor solar, mas vale destacar a importância de se proteger contra as picadas do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika.

Por isso, vale ressaltar que durante o dia, quando os mosquitos são mais ativos, é importante utilizar roupas que minimizem a exposição da pele, proporcionando alguma proteção às picadas, sendo uma das medidas adotadas como forma de proteção. Repelentes, inseticidas e mosquiteiros também devem ser adotados na rotina diurna e noturna das famílias.

Lembre-se: A melhor proteção é evitar os focos do mosquito. Nunca deixe água acumulada. A dengue é uma doença grave, e que pode levar à morte, no caso da dengue hemorrágica. Fazendo sua parte podemos acabar com o mosquito.

 

Confira os boletins da última semana de dengue, chikungunya e zika:

 

Acesse aqui o 9º Boletim da Dengue.

 

Acesse aqui o 9º Boletim da Zika.

 

Acesse aqui o 9º Boletim da Chikungunya.

COMPARTILHE