Linhares treina 110 funcionários municipai para limpar praias

Com a possibilidade do petróleo cru atingir o litoral Norte do Estado nos próximos dias, servidores municipais são treinados para retirar a substância de forma segura

 

Óleo atinge praia de Ilheus, na Bahia. Crédito: José Nazal | Divulgação

Servidores municipais de Linhares receberam um treinamento realizado pelo Corpo de Bombeiros, nesta terça-feira (05), para atuar na limpeza das praias da cidade caso chegue ao Espírito Santo as manchas de óleo que atingiram diversas praias do Nordeste do país.

Ao todo, 110 pessoas receberam orientações sobre o manuseio e o contato com o óleo, o uso de equipamentos de proteção individual (EPIs) e a destinação do material recolhido.

As manchas de óleo já chegaram a Nova Viçosa, no sul do Bahia, a apenas 55 quilômetros da divisa com o Espírito Santo. Por conta disso, os municípios litorâneos do Norte do Estado estão em alerta máximo e preparam equipes para agir imediatamente o caso do petróleo cru seja encontrado nas praias da região.

GABINETE DE CRISE

Em Linhares, um gabinete de crise foi montado para alinhar ações de combate e contenção do resíduo. A primeira medida foi a implantação do Sistema de Comando em Operações (SCO), cuja base foi instalada na sede da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semam).

O sistema, de padrão internacional, será responsável por gerir as ações de planejamento, operações, logística, segurança e administração em resposta a situações críticas e emergenciais.

Segundo o secretário municipal de Meio Ambiente, Fabrício Borghi Folli, os principais pontos de monitoramento são os estuários, onde os rios encontram o mar, a exemplo do Riozinho, entre as praias de Urussuquara e Barra Seca, e na foz do Rio Doce, em Regência. Além da Reserva Biológica de Comboios, onde há a maior concentração de desova de tartarugas.

COMPARTILHE