Cristiane faz três e Seleção Feminina do Brasil vence a Jamaica

Seleção superou 9 derrotas seguidas e ganhou na estreia da Copa

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Cristiane teve atuação de gala: 3 gols

Cristiane teve atuação de gala: 3 gols – CBF

França – Sem Marta, se recuperando de uma lesão muscular na coxa, a seleção brasileira feminina contou com o talento de Cristiane para vencer a Jamaica por 3 a 0 na estreia do Mundial da França. A atacante, uma das mais experientes do elenco, assumiu o protagonismo e fez os três gols da vitória tranquila no Stade des Alpes, em Grenoble.

O resultado positivo encerra uma sequência de nove derrotas da seleção brasileira e um jejum de vitórias que já durava quase um ano. O último triunfo havia sido conquistado em 29 de julho do ano passado, quando superou o Japão por 2 a 1, em amistoso na Inglaterra.

Com o bom início, o Brasil assume a ponta do Grupo C por ter saldo de gols superior ao da Itália, que também venceu na primeira rodada. A Austrália, uma das favoritas ao título, ocupa o terceiro posto, e a Jamaica é a lanterna. O próximo compromisso do time brasileiro é contra a Austrália, na quinta-feira, às 13 horas, em Montpellier.

As brasileiras contaram com o brilhantismo de Cristiane, que se tornou a segunda maior goleadora brasileira em Mundiais, agora com oito gols, atrás apenas de Marta, que tem 15, e se aproveitaram da fragilidade das jamaicanas para largar bem no Mundial. O time comandado por Vadão, mesmo sem Marta, dominou as ações na partida, de modo que teve mais posse de bola (62%), finalizou mais vezes – 19, sendo sete ao gol – e foi pouco ameaçado.

Com a boa postura em campo, o gol não demorou sair. Ele veio aos 15 minutos, quando Cristiane recebeu cruzamento de Andressa e acertou lindo cabeceio no canto esquerdo para inaugurar o placar Após o tento, as brasileiras tiveram oportunidades para construir uma goleada ainda no primeiro tempo, mas empilharam chances desperdiçadas, entre elas um pênalti, que Andressa Alves bateu mal, no canto direito, onde a goleira Schneider caiu para fazer a defesa. A Jamaica foi à ataque poucas vezes e obrigou a goleira Bárbara a fazer duas boas intervenções em chutes de Shaw

Na etapa final, a seleção brasileira, com a inspiração de Cristiane, definiu em poucos minutos o triunfo. A atacante do São Paulo nem precisou balançar as redes para marcar mais duas vezes. Aos quatro minutos, ela completou cruzamento da direita e viu Plummer cortar, mas a bola já havia ultrapassado a linha e o gol foi validado. Aos 18, Cristiane completou o show com uma bela cobrança de falta. Ela bateu com força, a bola explodiu no travessão e pingou dentro do gol.

Logo após o terceiro gol, Vadão substituiu Cristiane por Ludmilla. Com a saída da estrela da partida, o ritmo caiu um pouco, mas o Brasil conseguiu administrar o placar sem ser muito incomodado e conquistou uma importante vitória, que eleva o moral para a sequência do torneio.

COMPARTILHE