Casagrande troca líder do Governo na Assembleia Legislativa

O governador do Estado, Renato Casagrande (PSB), anunciou, na tarde deste sábado (30), a troca do líder do Governo na Assembleia Legislativa. O escolhido foi o deputado Freitas (PSB), em substituição a Enivaldo dos Anjos (PSD), que deixa a liderança após dez meses. O anúncio foi feito pelo próprio governador às 15h01 em suas redes sociais. Quem comunicou a Enivaldo que estava sendo retirado do cargo de líder foi o secretário-chefe da Casa Civil, Davi Diniz.

Fontes de bastidores apontam que não havia mais clima para manutenção do antigo líder. A reeleição antecipada do atual presidente da Casa, Erick Musso, teria pesado para a decisão. Antes da manobra, o governador teria ligado pessoalmente para Enivaldo para que o líder orientasse a bancada do Governo na Casa a não participar da votação. Contudo, Enivaldo teria feito “ouvidos moucos”, deixando de repassar a orientação para a bancada governista e concretizando a artimanha executada por Erick e seus aliados mais próximos (entre eles, o antigo líder).

O episódio da eleição da Assembleia Legislativa do Espírito Santo está sendo visto como a oportunidade que o Palácio Anchieta esperava, e o utilizou de imediato, para tirar da liderança do Governo na Casa o deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD). O pretexto, entretanto, não tem a menor sustentabilidade, ao contrário da situação do próprio Governo no Legislativo, articulada até então pelo parlamentar do Noroeste do Estado.

A antecipação da reeleição do presidente Erick Musso em mais de um ano, que desagradou ao Governo socialista, foi fruto de uma Emenda Constitucional aprovada também com o voto favorável do, agora líder, deputado estadual Eustáquio Freitas (PSB), que, aliás, também compõe a Mesa Diretora eleita com 15 meses de antecedência para o biênio 2021-2023.

COMPARTILHE