Condenado vereador eleito de Rio Bananal por comprar votos com gasolina

justica-eleitoral-condena-vereador-eleito-de-rio-bananal-por-trocar-votos-por-gasolinaJustiça Eleitoral condena vereador eleito de Rio Bananal por trocar votos por gasolina

A defesa alegou que a pessoa flagrada não era eleitora de Rio Bananal, mas o juiz não acatou; a decisão cabe recurso.

  • Cleuder Bertoldi, que se elegeu como Cleu Bertoldi, teria feito distribuição de vale-combustíveis para eleitores da cidade, buscando uma vaga de vereador na Câmara Municipal de Rio Bananal, conforme a decisão judicial. Segundo a sentença, a polícia flagrou uma pessoa utilizando o vale-combustível e efetuou a prisão.
    Ela contou que o candidato cassado teria ido até um estabelecimento para convidar os funcionários a ir em seu comício. Na mesma ocasião, o candidato teria oferecido os vale-combustíveis, um deles no valor de R$25,00 (vinte e cinco reais), para serem utilizados em um posto da cidade. A defesa alegou que a pessoa flagrada não era eleitora de Rio Bananal, mas o juiz não acatou.
    Cleu Bertoldi foi condenado ao pagamento de multa no valor de R$15.000,00 (quinze mil reais) e à inelegibilidade, que pela lei é de oito anos. Ele também teve o registro da candidatura cassado e não poderá assumir a vaga de vereador na Câmara Municipal em janeiro. O candidato e o advogado dele foram procurados pela reportagem, mas não foram encontrados. Cleu Bertoldi recebeu 445 votos na última eleição, que representa 3,76% dos votos válidos. Ele ainda poderá recorrer da decisão.
COMPARTILHE