Programa que oferece CNH de graça recebe mais de 16 mil inscrições no 1º dia

cnh__3__detran-169436No primeiro dia de inscrições, o programa CNH Social, que oferece Carteira Nacional de Habilitação de forma gratuita no Espírito Santo, já conta com mais de 16 mil candidatos. Os dados foram confirmados pelo Detran-ES, na tarde desta quarta-feira (07). Ao todo, 3 mil vagas são oferecidas nesta primeira etapa do projeto, e outras seis mil deverão ser abertas até o fim do ano, segundo o Governo do Estado. O programa atraiu também mais de 10 mil pessoas de outros estados.

Inscreva-se aqui!

Além disso, um total de 65 mil pessoas acessaram o site do programa, sendo que 12.600 pessoas de outros estados acessaram as informações sobre o programa capixaba. Os acessos foram principalmente dos estados vizinhos ou próximos ao Espírito Santo, liderados pelo Rio de Janeiro, seguido por Minas Gerais, São Paulo e Bahia.

O programa é voltado para pessoas residentes no Espírito Santo e também habilitadas no Estado, nos casos de adição e mudança de categoria. Os usuários capixabas totalizaram 52.400 acessos. Os principais interessados que acessaram o site do programa são de Vila Velha, com 26 mil acessos provenientes do município, vindo na sequência os moradores de Serra, com 8.800 acessos, e Vitória, com 7.500, na Grande Vitória. O interior aparece entre os principais interessados com 4.100 acessos de São Mateus e 3.400 de Linhares.

O Programa CNH Social 2018 oferece formação, qualificação e habilitação profissional para condutores de veículos. Serão disponibilizadas 9 mil vagas que serão distribuídas em três fases de inscrição. Deste total, 40% das vagas serão distribuídas para a Região Metropolitana da Grande Vitória, e 60%, para o interior do Estado. As inscrições para a primeira fase, em que serão disponibilizadas 3 mil vagas, começaram nesta quarta-feira (07) e vão até o dia 05 de abril.

Para se inscrever no programa, é necessário que o candidato esteja ou venha a se inscrever no CadÚnico – Cadastro Único do Governo Federal, seja maior de 18 anos e tenha renda familiar de até dois salários mínimos.

O programa social possibilitará o acesso gratuito de pessoas de baixa renda à obtenção da primeira habilitação nas categorias A (moto) ou B (carro) e, para aqueles que já são habilitados, a adição de categoria A ou B e mudança de categoria C (caminhão com até 6 mil Kg), D (van, micro-ônibus, ônibus) ou E (caminhão e carreta).

O programa CNH Social 2018 foi instituído pelo Governo do Estado por meio da Lei Nº 10.786, de 2017, e lançado por intermédio da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp), do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES), da Secretaria de Estado de Direitos Humanos (SEDH) e da Secretaria de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades).

COMPARTILHE