Receita de Pedágio rende R$ 1 milhão para Linhares

Linhares – Quando a grande maioria dos municípios brasileiros e especialmente os capixabas, passam por uma crise financeira, entre quedas de arrecadação, os repasses recebidos pelas prefeituras, no que se refere aos pedágios que cortam estes municípios, acabam dando fôlego extra para que as administrações sobrevivam.

No caso de Linhares só no ano de 2017, superou a marca de R$ 1 milhão arrecadado em ISS – Imposto Sobre Serviços que a Prefeitura Municipal arrecadou, tornando a cidade que mais arrecadou com este imposto, no rateio entre 25 municípios – 24 no Espírito Santo e 01 na Bahia (Mucuri). Esse valor repassado, é por conta do pedágio recolhido nestas praças.

Segundo informou o secretário municipal de Finanças e de Planejamento, Bruno Marianelli, tal receita vem sendo “aplicada prioritariamente em saúde e educação, com índices acima do que são exigidos por lei”.

Mesmo a Amunes – Associação dos Municípios do Estado do Espírito Santo, não falando sobre o assunto, em todas as cidades capixabas, cortadas pela BR 101, houve aumento no valor do repasse do imposto. Em média o repasse foi 11% maior em 2017 se comparado ao ano anterior, segundo dados da revista Finanças dos Municípios Capixabas.

COMPARTILHE